anvisa-aprova-novo-medicamento-para-tratamento-da-hepatite-c
anvisa-aprova-novo-medicamento-para-tratamento-da-hepatite-c

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) aprovou o registro de um novo medicamento para ser usado no tratamento de hepatite C, o primeiro a ser administrado por via oral. A medida deve ser publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira (6), segundo o ministro da Saúde, Arthur Chioro.

A expectativa é que o produto passe a ser oferecido pelo SUS ainda no primeiro semestre deste ano, conforme a coluna Mônica Bergamo adiantou nesta segunda (5).

O daclastavir é o primeiro de uma série de três medicamentos inovadores que deverão ser incorporados ao sistema público de saúde para o tratamento da doença. Os outros dois são o sofosbuvir e simesprevir.

Hoje, pacientes precisam recorrer à Justiça para fazer com que o SUS pague os medicamentos –o custo chega a atingir cerca de R$ 40 mil durante o período de tratamento –de três meses.

Segundo Chioro, a expectativa é que os gastos para oferecer os medicamentos no SUS sejam equivalentes aos gastos que já ocorrem com as medidas judiciais.

Questionado, o Ministério da Saúde não informou quanto já gastou após os pedidos na Justiça.

De acordo com a pasta, os novos medicamentos apresentam um percentual de cura de até 90% –o tratamento atual oferecido no SUS tem chance de cura de até 60%.

Além de benefícios como o uso oral e a a diminuição no tempo de tratamento, que passa de um ano para três meses, o medicamento aprovado apresenta menos efeitos colaterais.

Cerca de 16 mil pessoas são tratadas por ano contra hepatite C no sistema público de saúde. A doença, responsável por grande parcela dos casos de transplantes e de câncer no fígado, é transmitida por meio de transfusão de sangue, compartilhamento de material para uso de drogas –como seringas–, de outros materiais cortantes e de objetos de higiene pessoal.
Fonte: Folha de S. Paulo

Selecionado
Tratamento nos cabelos de Giovanna Antonelli, à base de fogo, custa R$1000.

Giovanna Antonelli não descuida do visual e não por acaso é referência quando o assunto é beleza e estilo. Assim Ver

Aplicativo brasileiro promete ajudar no tratamento da ansiedade

Pense bem, qual seu maior medo? Contrair uma doença, andar de avião, ir ao dentista ou falar em público? Se Ver

Edson Celulari segue com tratamento contra câncer até novembro: ‘Está reagindo bem’

O ator Edson Celulari segue otimista em busca da cura do câncer. Em entrevista ao 'Purepeople', a irmã do artista, Ver

Substitutos do sal podem contribuir para redução de doenças cardíacas

O Ministério da Saúde anunciou, recentemente, que a indústria de alimentos fará mudanças na composição dos produtos, a fim de Ver

Superação Jéssica Tria: menos 35kg e mais autoestima

Desde a infância, Jéssica Tria, que hoje tem 26 anos, sofria com o excesso de peso. Seu problema era a compulsão alimentar, Ver

Saúde dos olhos exige mais atenção no inverno

Com o intenso frio e o ar seco, típicos do inverno, é recomendável manter um cuidado redobrado com a saúde dos Ver

Refrigerante ou suco industrializado: qual é a melhor opção? Saiba agora!

Em busca de deter o avanço da obesidade, que já atinge 53% dos brasileiros, o Ministério da Saúde, no mês Ver

Sabadão Solidário: Hemoba recebe doadores de sangue em Itaberaba

A Fundação de Hematologia e Hemoterapia da Bahia (Hemoba) promove no próximo sábado, dia 22 de julho, mais uma edição Ver